Not support Recaptcha
Pular navegação

Preparação

10 dicas para você se preparar para a Fuvest 2024

19 de junho de 2023

Tags

  • Fuvest
  • Simulado Fuvest 2023

Preparação para a Fuvest 2024

A Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest) é um dos dos vestibulares mais difíceis e concorridos do país, sendo a porta de entrada para uma das universidades mais prestigiadas do Brasil, a Universidade de São Paulo (USP), além da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. Por isso, é fundamental que os candidatos se preparem de forma cuidadosa e dedicada para obter um bom desempenho e alcançar a tão sonhada aprovação.

Portanto, quem deseja ingressar na USP em 2024 devem passar por este processo seletivo. Para ajudar os estudantes nessa preparação, separamos 10 dicas incríveis para você mandar bem na Fuvest 2024. Confira!

 

1. Conheça a prova

Antes de começar a se preparar para a Fuvest, é importante conhecer a estrutura da prova, o formato das questões e os critérios de correção. Isso ajuda a entender melhor o que será cobrado e a se preparar de forma mais direcionada para conquistar uma boa pontuação.

A Fuvest tem como principal característica ser muito conteudista, pois é um vestibular que mede o nível de conhecimento do candidato integralmente, avaliando sua base teórica. Assim, ela é uma prova considerada bastante rigorosa e consistente. Ou seja, todas as questões, mesmo as mais simples, exigem do estudante uma boa base teórica, capacidade de raciocínio lógico e bastante atenção na leitura do enunciado.

Quanto à prova, ela é dividida em duas fases. A primeira fase é composta por 90 questões objetivas de múltipla escolha, que abrangem as áreas de biologia, física, geografia, história, inglês, matemática, português e química. Os estudantes que obtiverem as melhores classificações aqui são selecionados para a segunda fase. Ela é composta por questões discursivas, que variam conforme o curso escolhido, e uma redação, sendo dividida em dois dias. Além disso, também dependendo do curso, ocorre uma terceira fase, com provas de habilidades específicas.

 

2. Dê atenção especial à redação

A redação é uma das partes mais importantes da prova e pode ser decisiva para a aprovação. Por isso, é importante treinar bastante, para ganhar agilidade e prática, e estar atento aos critérios de correção, como gramática, coesão e coerência. Afinal, é essencial ter uma boa argumentação e apresentar um ponto de vista claro e bem fundamentado. Também é importante acompanhar as atualidades e estar a par das notícias mais recentes, para trazer repertório ao texto. Além disso, a prática com a redação ajudará o estudante a responder melhor às questões dissertativas.

 

3. Estude diariamente

A preparação para a Fuvest deve ser constante e diária. É fundamental criar uma rotina de estudos e se dedicar todos os dias, mesmo que seja por poucas horas. Isso ajuda a manter o ritmo e a assimilar melhor o conteúdo. Além disso, estabeleça um bom planejamento de estudos, definindo as matérias e os horários de estudo.

 

4. Preste atenção aos temas mais recorrentes

A Fuvest tem alguns temas que são recorrentes na prova, como literatura, história e geografia do Brasil. Por isso, fizemos um levantamento sobre quais foram os principais temas e se dedicar mais a eles durante a preparação.

Primeira Fase – Questões Objetivas

Língua Portuguesa

  • Origens do Realismo e Realismo machadiano: 14,81%
  • Classes de palavras: 12,96%
  • Modernismo no Brasil – 2ª geração (prosa): 11,11%

Interpretação de Texto

  • Aspectos do texto: 25,81%
  • Implícitos, ambiguidade e semântica: 22,58%
  • Intertextualidade e interdiscursividade: 12,90%

Língua Inglesa

  • Interpretação de texto: 100%

Artes

  • Renascimento e América pré-colombiana: 100%

Matemática

  • Centro dos triângulos e dos polígonos regulares: 10,17%
  • Relações e funções: 8,47%
  • Sentenças matemáticas e modelagens algébricas: 8,47%

História

  • Segunda Guerra Mundial, Guerra Fria e mundo contemporâneo: 14,29%
  • Idade Moderna: 10,20%
  • República Velha: 8,16%

Geografia

  • Geomorfologia: 12,28%
  • Climatologia: 12,28%
  • Urbanização: 8,77%

Sociologia

  • Sociologias no século XX: 100%

Biologia

  • Questões ambientais: 9,26%
  • Genética: 7,41%
  • Biomas: 5,56%

Física

  • Dinâmica: 9,26%
  • Energia, trabalho e potência: 9,26%
  • Resistores: 7,41%

Química

  • Estados físicos, sistemas e misturas: 16,67%
  • Ligações químicas, polaridade e forças intermoleculares: 11,67%
  • Reações orgânicas: 10%

Além desses temas recorrentes, fique atento às atualidades, pois a Fuvest costuma abordá-los em suas questões.

 

5. Priorize disciplinas e faça revisões ao longo do ano

Como a Fuvest é uma prova que exige uma vasta gama de conhecimentos, é importante que o estudante priorize matérias. Uma boa dica é dedicar mais tempo às disciplinas em que você tem mais dificuldade. Para as outras, somente a resolução diária de algumas questões já poderá ser suficiente. Aliado a isso, é imprescindível estabelecer um cronograma de revisões, retomando assuntos que foram estudados nas semanas anteriores. Desta forma, você consegue transferir o conteúdo de sua memória de “curto prazo” para a sua memória de “longo prazo”.

 

Jornada da Aprovação do Poliedro - Aulões gratuitos da Unicamp, Enem e Fuvest.

 

6. Faça simulados

Os simulados são uma ótima forma de treinar para a prova, pois simulam as condições reais do dia do vestibular. É importante fazer simulados regularmente, tanto para testar o conhecimento quanto para se acostumar com o tempo e a pressão da prova. Também é importante fazer simulados de anos anteriores da Fuvest, para conhecer melhor o estilo das questões e as exigências da prova.

O Simulado Aberto Fuvest do Poliedro é um ótimo exemplo de exame preparatório. Ele é on-line, gratuito e aberto a todos os estudantes, sejam alunos ou não alunos.

Além disso, ele fornece ao estudante uma avaliação de sua preparação, identificando pontos fortes e pontos melhorar.

 

7. Faça exercícios

Além de estudar a teoria, resolva questões variadas para fixar o conhecimento e treinar para a prova. É importante escolher exercícios de qualidade, que sejam parecidos com o estilo da prova.

Além disso, revise os exercícios feitos para identificar os pontos fracos e trabalhar neles. O Poliedro Resolve é uma boa fonte de questões de estudo, pois possui um longo histórico de provas e correções comentadas por professores dos vestibulares mais concorridos do País.

 

8. Utilize materiais de qualidade

Na preparação para a Fuvest 2024, é importante utilizar materiais de qualidade, como livros, apostilas e cursos preparatórios. Esses materiais ajudam a entender melhor o conteúdo e a se preparar de forma mais eficiente. Além disso, é importante escolher materiais atualizados e que correspondam às exigências da prova. Todos esses materiais podem ser encontrados nas Turmas de Semiextensivo do Poliedro.

 

9. Mantenha a calma e controle o tempo

Durante a prova, mantenha a calma e não se deixar levar pelo nervosismo. É importante respirar fundo, ler as questões com atenção e responder com tranquilidade. Tudo isso faz parte de um bom gerenciamento de tempo, para que seja possível responder todas as questões dentro do tempo estipulado. Por ser uma prova relevante na vida do vestibulando, a carga emocional de prestar a Fuvest pode ser enorme.

Por isso, concentre-se em se manter racional e não criar “fantasmas”. Afinal, todo vestibular tem questões fáceis e difíceis, e travar ou não conseguir fazer alguma questão é algo que pode acontecer. A dica é: travou? Pule a pergunta e volte a ela mais tarde. Não deixe que isso abale o seu emocional e atrapalhe o seu desempenho na prova como um todo.

 

10. Tenha confiança em si mesmo

Por último, é importante ter confiança em si mesmo e acreditar que é capaz de passar na prova. A preparação para a Fuvest é difícil e exigente, mas com dedicação e confiança, é possível alcançar a aprovação. Além disso, vale lembrar que a Fuvest é uma chance para demonstrar todo o conhecimento adquirido e que, independentemente do resultado, é uma oportunidade de aprendizado e crescimento pessoal.

 

Dica bônus: descanse!

A prova é importante, mas não podemos esquecer de relaxar, tirar nosso tempo para outras coisas e recuperar as energias.

Além disso, a preparação para a Fuvest não deve ser encarada como um período de estresse e sacrifício, mas sim como uma oportunidade para aprender e crescer pessoalmente. Para se dar bem, você deve manter o equilíbrio emocional durante a preparação, buscando atividades que lhe tragam prazer e relaxamento, como a prática de esportes, leitura de livros, podcasts, entre outras.

Outro ponto é a escolha do local de estudo. É fundamental que você escolha um local tranquilo, silencioso, confortável, bem iluminado e sem distrações que possam prejudicar a concentração.

Por fim, é essencial que você tenha em mente que a preparação para a Fuvest 2024 não é uma tarefa fácil, mas com perseverança e dedicação, é possível alcançar a aprovação. Por isso, siga as nossas dicas, estude com os melhores materiais e professores, mantenha o foco e acredite em si mesmo. Boa sorte!

Siga o Poliedro Curso
nas redes sociais.

O que podemos fazer
pelo seu futuro?

Notícias relacionadas

Assine nossa newsletter